cartão cidadão renda brasil

Renda Brasil x Cartão Cidadão

O ano de 2020 tem sido de grandes mudanças para o Brasil e para o mundo. Com a crise, foram expostas uma série de fragilidades sociais, e falando especificamente do Brasil, os trabalhadores informais são os que mais simbolizam isso.

Desde que o isolamento social foi adotado como uma forma de conter o avanço da contaminação pelo vírus, muitas pessoas perderam sua fonte de renda, e com isso, foi de alta necessidade que o governo federal entrasse com um apoio a essas pessoas.

Como resposta e tentativa de ajudar as classes menos abastadas a enfrentar esse momento tão delicado, foi criado o Auxílio Emergencial, um benefício destinado a pessoas que tiveram sua fonte de renda comprometida pela crise.

Porém, mesmo com a superação da crise, essa camada social dos trabalhadores autônomos ainda se mostra muito frágil e suscetível à qualquer grande impacto financeiro, e a partir disso que surgiu a ideia do Renda Brasil, o possível novo programa de transferência da renda do governo federal.

Anunciado há poucos dias muitas pessoas já comentam que ele será o substituto do bolsa família, incluindo um número maior de pessoas e agregando outros benefícios sociais, como o Auxílio Emergencial.

Desde o seu anúncio, muitas pessoas têm tido dúvidas a respeito de como ficará a sua situação em respeito ao Bolsa Família e se o Cartão cidadão ainda permanecerá válido para o recebimento dos valores pagos pelo governo.

Para ajudar a responder essas perguntas, nós compomos o texto abaixo, reunindo as principais informações do que já se sabe sobre o Renda Brasil.

Siga com a sua leitura e confira!

O Cartão Cidadão ainda é válido?

Antes de irmos direto ao ponto, precisamos entender mais sobre o Cartão Cidadão. Basicamente, ele é um produto do governo federal destinado a facilitar o acesso os benefícios sociais e trabalhistas.

O uso do Cartão Cidadão pode se dar em todos os canais de pagamentos autorizados pela Caixa, e geralmente, ele é conhecido por ser o cartão que auxilia no pagamento do Bolsa Família, programa de transferência de renda do governo federal

Respondendo à questão acima: sim, o Cartão Cidadão continua válido.

O Renda Brasil foi comunicado pelo ministério da economia, porém, ainda não é um programa em funcionamento. Dessa forma, para os beneficiários do Bolsa Família, tudo permanece igual, com o Cartão Cidadão sendo utilizado para o recebimento dos valores.

Pouco ainda se sabe sobre o novo programa social do governo, por isso, é possível que futuramente — com o programa realmente estabelecido e em funcionamento — se crie novos métodos de recebimento.

Na ocorrência disso, os beneficiários do Bolsa Família passarão, possivelmente, por um programa de transição para o Renda Brasil

Dado isso, não há motivos de preocupação.

programa renda brasil
Programa Renda Brasil deve ser a grande novidade do Governo Bolsonaro em termos de programas sociais / Imagem não oficial e meramente ilustrativa.

Entenda o Renda Brasil

Agora que você já sabe mais sobre como fica a relação do Cartão do Cidadão com o novo programa do governo, chegou a hora de entender tudo o que está por trás deste.

Basicamente, é um programa anunciado há poucos dias pelo ministério da Economia, sem que este revelasse grandes informações sobre ele até então.

Inicialmente, o que se sabe é que o Renda Brasil será um programa de transferência de renda, bem similar ao que já é o Bolsa Família, porém, agregando um grupo maior de pessoas e assimilando outros programas sociais nele.

Diferentemente do que acontece com o Bolsa Família, que é destinado a famílias em situação de pobreza e extrema pobreza, o Renda Brasil também adicionar os trabalhadores informais como passíveis de receber o benefício.

É preciso mencionar que o número de trabalhadores informais cresce mais a cada ano, e é impulsionado, principalmente, pela elevação do índice de desemprego do país.

Renda Brasil e o Auxílio Emergencial

Como mencionados acima, o novo programa do governo federal irá unir outros benefícios sociais, e um deles é o Auxílio Emergencial, criado para ajudar os trabalhadores informais nesse momento de crise.

O auxílio paga R$ 600 por três meses e o valor pode chegar em até R$ 1200, dependendo do caso.

Segundo o que disse Paulo Guedes, ministro da Economia, 38 milhões de brasileiros estão cadastrados no Auxílio Emergencial, e uma parcela destes também poderá receber o novo benefício criado pelo governo.

O Renda Brasil deve incluir a categoria dos profissionais autônomos, que trabalham sem carteira assinada, como ambulantes, diaristas e muitos outros.

Valor do Renda Brasil

A questão do valor a ser pago pelo programa é o motivo de muitas dúvidas.

Além da questão do valor, também não se sabe como serão definidos as quantias, como serão divididos as pessoas que podem receber e nem como o pagamento serão feitos.

Mas o que sabemos até agora?

O valor médio que o Bolsa Família paga é de R$ 200. Já o benefício criado para assistir os trabalhadores informais no momento de crise, o Auxílio Emergencial, é de R$ 600 em três parcelas, que também pode chegar a R$ 1200.

Considerando que o Renda Brasil substituirá o Bolsa Família e agregará o Auxílio Emergencial, o valor a ser pago é a soma de ambos?

É muito provável que não. A tese mais esperada pelos especialistas da área econômica é que o governo chegue em um valor relativamente próximo ao que já é pago no benefício do Bolsa Família.

Para os beneficiários do Auxílio Emergencial, vale lembrar que o governo também já estuda a prorrogação do pagamento do benefício, que talvez tenha mais duas ou três parcelas.

Ainda não foi divulgado se isso realmente irá acontecer, quantas parcelas serão pagas e nem os valores delas. Então, neste sentido, é importante ficar atento ao que é anunciado pelo governo federal.

Conclusão

Se você é beneficiário do Bolsa Família e ainda não sabe direito o que acontecerá com o pagamento do seu benefício, fique tranquilo. Até o momento, nada ainda foi estabelecido ou alterado, então o programa ainda continua sendo pago normalmente.

Em caso de substituição pelo Renda Brasil, haverá uma transição para que os antigos beneficiários continuem recebendo.

1 comentário em “Renda Brasil x Cartão Cidadão”

Deixe um comentário